Quer abrir uma loja virtual?

Dropshipping: o que é, como fazer e escolher fornecedores (2024)

Dropshipping o que é: ilustração que mostra um armazém ou fornecedor, com seis caixas de cores diferentes. Do lado de fora, há um carrinho de compras. Um mouse seleciona uma das caixas e a coloca dentro do carrinho.

Dropshipping: o que é? Como funciona? Dá mesmo para abrir uma loja sem ter que investir em estoque? Hoje, a gente vai explicar tudo o que precisa saber sobre esse modelo de negócio para você entender os motivos do dropshipping ser tão popular.


Se quer uma renda extra sem largar o emprego fixo ou então sempre quis começar um negócio online mas tem pouco dinheiro para investir, você precisa conhecer o dropshipping, um modelo de negócios que tem circulado cada vez mais na internet e atraído olhares de quem sonha em empreender.

Se você está querendo uma solução para abrir um negócio sem largar o emprego ou então sempre quis começar um negócio online mas ainda está meio em cima do muro sobre essa questão de como e quanto investir, pode puxar a cadeira e chegar mais: este post vai falar sobre o que é dropshipping, um modelo de negócios que tem circulado na internet brasileira já faz um tempo, mas que ainda é cheio de mitos e mistérios.

  1. O que é dropshipping?
  2. Por que fazer dropshipping?
  3. 3 desafios do dropshipping e como superá-los
  4. Como começar no dropshipping
  5. Como escolher fornecedores dropshipping
  6. App para dropshipping: conheça os principais
  7. Resumo: tudo sobre dropshipping
  8. 🗨️Perguntas frequentes sobre como trabalhar com dropshipping

🎥Assista e anote: dropshipping para iniciantes

Para já ir entrando no ritmo da leitura, vale a pena conferir o vídeo abaixo, imperdível para quem quer saber mais sobre o tema.

Ao longo do post, a gente também vai recomendar outros vídeos que abordam tudo sobre dropshipping: o que é, como fazer, como encontrar fornecedores dropshipping e muito mais.

O que é dropshipping?

O dropshipping é um modelo de negócios em que o lojista terceiriza algumas etapas da venda, ficando responsável principalmente pela plataforma de e-commerce e pela divulgação dos produtos. O fornecedor dropshipping parceiro é o responsável pelo estoque físico, pelo processamento das vendas e também pelo envio dos pedidos.

Sendo assim, o dropshipping é a solução para quem tem limitação de orçamento e espaço para estocar produtos. Inclusive, um importante ponto positivo de montar um negócio de dropshipping é que você só paga pelo produto somente após ele já estar vendido.

Em um comparativo prático entre e-commerce tradicional e dropshipping, o cenário após o cliente visitar o site e efetuar a compra são os seguintes:

➡️No caso de um modelo onde o lojista também é o responsável pelo estoque físico, a próxima etapa seria fazer o processamento: separar o item no estoque, conferir se o produto está de acordo com o pedido, colocar numa embalagem e fazer o envio do produto via Correios, transportadora ou outros parceiros de frete.

➡️No dropshipping, o fluxo é outro: após receber o pagamento do cliente, o lojista efetua a compra do produto com seu fornecedor, enviando também as informações e os dados de entrega do cliente. A partir daí, o fornecedor fica responsável por toda a parte de processamento e envio ― e você, lojista, fica responsável por se comunicar com o cliente, oferecendo os dados de rastreio do pedido e um bom atendimento ao cliente.

🎥Assista e anote: estratégias, nichos e produtos campeões para dropshipping

O modelo do dropshipping é ideal para quem não quer (ou não pode) arcar com os custos do estoque e do processamento de pedidos, mas mesmo assim não quer abrir mão do branding e da identidade visual da marca na hora da experiência de entrega.

Quando puder, dê uma olhadinha no vídeo abaixo!

Por que fazer dropshipping?

Agora que a gente já explicou o que é dropshipping e como ele funciona, está na hora de começarmos a destrinchar alguns outros temas bem importantes para quem quer usar esse modelo de negócios para fazer vendas online.

Veja agora cinco motivos pelos quais o dropshipping pode ser uma boa:

1. Baixo investimento inicial: por ser um modelo de revenda de produtos, o dropshipping é uma boa opção para quem quer abrir uma loja virtual com pouco investimento e ter retorno rápido.

2. Conveniência e eficiência: iniciar e desenvolver com sucesso uma empresa de e-commerce exige muito trabalho, especialmente se seu orçamento é limitado. É por isso que não ter que se preocupar com o processamento de pedidos é tão bom: além de economizar e ajudar na gestão de fluxo de caixa, também vai te deixar com mais tempo livre para se concentrar em outras tarefas, como estratégias de marketing, atendimento ao cliente e demais operações.

3. Mobilidade: com todas as questões do processamento físico de pedidos resolvidas, você fica livre para gerir seu negócio de onde estiver, sem sair de casa.

4. Confiabilidade: ao contrário do que você pode estar pensando, o dropshipping é totalmente legal. Aliás, é um modelo que já vem sendo usado por grandes varejistas há algum tempo: se você já fez compras no site das Americanas e da Netshoes, por exemplo, certamente já comprou via dropshipping antes mesmo de saber o que é dropshipping!

5. Maior oferta de produtos: você pode oferecer uma ampla variedade de produtos a seus clientes sem se preocupar com custos e burocracia de estoque e entrega de pedidos.

3 desafios do dropshipping e como superá-los

A seguir vamos abordar algumas áreas que são vistas como obstáculos do dropshipping e que merecem uma atenção especial. Sabendo como contorná-los, seu sucesso está mais perto do que imagina.

1. Alta concorrência e pequenas margens de lucro

Os produtos para revender por dropshipping geram muita competição. Isso costuma levar a um cenário de preços baixíssimos e margens de lucro ainda menores, dificultando o desenvolvimento de um negócio rentável.

Isso significa que não adianta só apostar no preço baixo ou nas ofertas: na verdade, você vai precisar oferecer valor construindo uma marca forte e estabelecida, investindo em suporte nas redes sociais, publicando conteúdos exclusivos para criar vínculo com seu público por meio do YouTube ou newsletter, postando tutoriais e até instruções de uso.

📝Dica de ouro: gerenciando margens e tráfego

Ainda que o preço não possa ser o seu diferencial, é importante desenvolver uma boa estratégia de precificação de produtos. Também vale a pena começar a trabalhar desde já as suas estratégias para gerar tráfego online e definir a forma como você vai se posicionar dentro do mercado.

2. Dificuldade na sincronização de estoque ou itens indisponíveis

Diversificar a sua cartela de fornecedores dropshipping pode ser uma solução boa para evitar um estoque baixo de determinados itens. Afinal, pode ser arriscado depender de um único fornecedor, especialmente em épocas movimentadas como a Black Friday, o Dia dos Namorados e outras datas comemorativas.

📝Dica de ouro: lidando com falta de estoque

Nesse caso, em vez de cancelar o pedido, ofereça (sem custo adicional) um produto melhor que o comprado pelo cliente, aumentando as chances de fidelização os clientes. Os apps da Shopify podem te ajudar a evitar esse problema, verifique a disponibilidade de ser notificado com antecedência sobre baixas de estoque.

3. Vender sem ver o produto

É bem comum que algumas pessoas desistam do dropshipping ao saber como ele de fato funciona. Afinal, será que vale mesmo a pena vender se você não está fabricando e nem controlando a qualidade do produto?

A verdade é que, para trabalhar com sucesso nesse mercado, recomendamos que você encomende os itens antes de anunciá-los na loja. Essa encomenda de teste é perfeita para avaliar o tempo de processamento e envio do fornecedor, a qualidade do produto e a embalagem oferecida pelo seu parceiro.

📝Dica de ouro: testes na prática

Na etapa de planejamento do seu negócio, vale contar com esse investimento em encomendas de teste. Mas não encare isso como custo, use o que tem em mãos! Aproveite para fazer conteúdos para divulgação, como unboxing e fotografias exclusivas do seu produto.

Como começar no dropshipping

A primeira coisa que você vai ter que definir é a plataforma de e-commerce na qual você deseja abrir a sua loja.

Com uma plataforma de e-commerce como a Shopify, você pode contar com modelos flexíveis e recursos potentes que ajudam a turbinar seu negócio: além de um admin calibrado para gerar insights e análises sobre as suas vendas, a Shopify também conta com centenas de apps grátis que ajudam em absolutamente tudo ― do comércio conversacional até o dropshipping.

Isso significa que dá para fazer dropshipping na Shopify em apenas cinco passos:

  1. Fazer a sua conta (comece com um teste grátis);
  2. Criar a loja;
  3. Baixar um app de dropshipping;
  4. Importar os produtos do app para a loja;
  5. Anunciar seus produtos e começar a vender.

Além disso, a gente também oferece planos variados de assinatura e integrações com canais de venda poderosos, como redes sociais e Google.

⭐Dica: conheça o Gerador de nomes da Shopify! Acesse e crie o nome da sua loja dropshipping gratuitamente.

Como escolher fornecedores dropshipping

Buscar fornecedores dropshipping deve ser prioridade máxima na sua lista para começar, até porque a satisfação dos clientes, a possibilidade de vender mais e o sucesso da loja dependem disso.

Antes de bater o martelo, pesquise mais a fundo: veja se os produtos disponibilizados são daquela loja ou se não vale a pena comprar direto com o fabricante, por exemplo. Veja também se não existem produtos piratas na loja, lembre-se que vender itens falsificados é um risco que não vale a pena e quem arca com a má reputação é sua loja.

Se couber no seu orçamento, assine o Worldwide Brands, diretório pago que funciona como uma fonte de boa reputação de fornecedores que praticam dropshipping.

🎥Assista e anote: dicas para escolher fornecedores dropshipping

Além de escolher um fornecedor com sabedoria, é importante saber como construir um relacionamento saudável e rentável que beneficie seu negócio a longo prazo, veja as dicas no vídeo:

App para dropshipping: conheça os principais

Aqui na Shopify o processo de dropshipping acontece via apps que integram seu site às principais plataformas de dropshipping e fornecedores.

Ou seja, aqui facilitamos todo o processo de encontrar fornecedores, produtos e personalização da loja, centralizando sua operação e potencializando suas vendas com insights de marketing e divulgação.

Se você está pensando em trazer a sua ideia de dropshipping para a Shopify, encontrar um bom app para dropshipping faz toda a diferença no sucesso da sua loja. Aqui vão os três apps que fazem mais sucesso entre os nossos lojistas:

1. DSers: O DSers é um dos apps mais confiáveis para lojas virtuais que querem vender com dropshipping. Além de contar com um plano gratuito, ele também funciona como catálogo de produtos e fornecedores AliExpress, oferecendo produtos de qualidade para diversos nichos.

2. Printful: A Printful é a escolha de quem busca um modelo de negócio de dropshipping com impressão sob demanda. Além de trabalhar com uma imensa variedade de produtos, que vão desde camisetas até itens de decoração, a Printful vem investindo em uma pegada sustentável.

3. CJdropshipping: O CJdropshipping oferece mais de uma plataforma de fornecedores em um só lugar, como AliExpress e Taobao. Além de facilitar a busca por produtos vencedores por meio de recomendações e trends de busca, também oferecem envios otimizados e personalização de produtos e embalagens com sua marca.

🎥Assista e anote: ferramentas para dropshipping

Confira o vídeo abaixo para ficar por dentro de outras ferramentas importantes:

Resumo: tudo sobre dropshipping

Deu para responder à pergunta “dropshipping: o que é”? Ou ficou com alguma dúvida sobre como funciona o dropshipping?

Só para garantir, aqui vai um resumão com tudo o que a gente viu.

  • O que é dropshipping: um modelo de negócios em que o lojista terceiriza as etapas de estoque e logística, ficando responsável principalmente pela plataforma de e-commerce e pela divulgação dos produtos.
  • As principais vantagens do dropshipping são: baixo investimento inicial, conveniência e mobilidade para quem está empreendendo. Além disso, é um modelo já consolidado no comércio eletrônico.
  • Para começar a vender com dropshipping, você precisa: escolher uma plataforma de e-commerce, montar sua loja e encontrar seu fornecedor de dropshipping.
  • Na Shopify, os fornecedores dropshipping mais confiáveis e populares são: DSers, Printiful e CJdropshipping.
  • Desvantagens do dropshipping: alta concorrência, dificuldade de gerenciar baixas de estoque e vender sem conhecer o produto.

Perguntas frequentes sobre como trabalhar com dropshipping

Como fazer dropshipping no Brasil?

O dropshipping é uma boa opção para abrir um negócio com pouco investimento e retorno rápido. Usar a plataforma intuitiva da Shopify para montar sua loja virtual é o melhor caminho para você começar a vender com fornecedores de dropshipping. Temos recursos exclusivos para dropshipping, que conectam sua loja virtual aos fornecedores e automatizam o envio de pedidos.

Como ter sucesso fazendo dropshipping no Brasil?

Já existem muitos empreendedores vivendo de dropshipping no mundo. No Brasil, esse modelo tem chamado a atenção pela praticidade e disponibilidade de ferramentas que facilitam todo o processo de vendas, como a Shopify.
O dropshipping é um dos melhores negócios para lucrar rápido investindo pouco, aproveitando a estrutura mais robusta de outros varejistas.

Qual a melhor plataforma de dropshipping no Brasil?

A Shopify pode ser considerada a melhor plataforma de dropshipping do Brasil. Ela tem vários aplicativos disponíveis para você encontrar produtos e fornecedores. Ela também tem vários recursos para você investir nas estratégias de marketing, atendimento ao cliente e na identidade visual da sua loja virtual.

Quais os riscos do dropshipping?

Os principais riscos do dropshipping são: concorrência, possíveis margens de lucro baixas e é importante lembrar que sua loja virtual depende de fornecedores – e encontrar um fornecedor sério e de confiança é mais difícil do que parece. Para ajudar quem está iniciando no dropshipping, a Shopify oferece as melhores soluções para quem busca construir um negócio de sucesso com parceiros de confiança.

Quer saber mais?


Marcela Lanius Redatora ShopifySobre a autora

Marcela Lanius é tradutora, revisora e às vezes também veste a roupa de pesquisadora. Se pudesse, largava tudo para passar os dias só com gatos e livros.

Você tem dúvidas sobre a Shopify?

Fale com a nossa Central de ajuda

Quer abrir uma loja virtual?